Início > Uncategorized > Enxerto

Enxerto

Eis uma pequena parte do meu livro. Daqui a um tempo, antes da publicação, solto mais um trecho.

Tudo era indecifrável. Parecia, e isso ela realmente sentia, que não era letrada e tratava-se de logo ignorar o que lhe tinha um sabor metálico, livrando-se de qualquer desafio destemido que se pusesse a embarreirar-lhe os passos. Ora nos pés, nunca em pensamentos, caminhava sozinha. Ora nos pensamentos, sempre nos pés, perambulava ao redor de um nada infindo, rebocando a última evidência de inocência que lhe furtaram as ruas. Já lhe haviam dado tantos nomes que nenhum esforço fazia no sentido de saber, como sequer mãe e pai conhecia; corria, aliás, à boca miúda que tinha alguns irmãos também alquebrados, também sujos, também desesperançosos, também despossuidores até mesmo de um nome que os honre. Em que pese todo seu soturno passado, dizia ‘sentir uma raiva de tudo’, muito embora faltassem-lhe meios para definir sentir, raiva e tudo. Não é de praxe aos que experimentam apenas sentimentos sórdidos ter parâmetros emocionais. Abandonada pelos pais, pela vida, pelas ruas, até o amor a deixou – era-lhe um desconhecido, imaginado como um monstro. Estagnada em sua ignorância. Trancada no fundo do poço. Submissa à sua ausência. Submersa à sua decadência.

A puberdade, habitante há cinco anos, tolheu seus retilíneos horizontes, atribuindo-lhe arcos demasiado sinuosos, chamando para si homens repugnantes, com bafo de cerveja, barba encalacrada, odor e desejo sexual repugnantes. Tudo era repugnante. Foi forçada a trocar, aos doze, sexo oral por um cigarro de marca menor. Assim criou sua sentença, aquela que erodiu sua infância, alimentando-a de prazer proibido, dinheiro, vícios e uma rematada incapacidade de sorrir.

Abelheira.

Anúncios
Categorias:Uncategorized
  1. zlzjr
    julho 27, 2010 às 2:01 pm

    Abelheira,

    Comovente e muito bem escrito. Se o livro todo mantiver este nível, vira best-seller!
    Parabéns!

    José Luiz

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: